Vereador cultiva horta em creches de Glorinha

0
Andreo Fischer

Andreo Fischer

Aprovado por unanimidade por todos os vereadores, Oscar Berlitz não viu seu projeto de lei ser sancionado pelo prefeito Darci José Lima Da Rosa no início de seu mandato, que trata sobre todas as escolas municipais de Glorinha terem uma horta no pátio. Apesar disso, Oscar foi até as creches Isdra Adraham Isdra e EMEI Maria Celma Mendes Peralta, ambas no mesmo terreno, para sensibilizar a direção no sentido de criar uma horta para que as crianças pudessem cultivar as hortaliças, e comer na escola ou até mesmo levar para casa. Oscar consegue as mudas de doação ou compra com seus próprios recursos. Recentemente houve a colheita de cenoura que foi plantada na páscoa. Confira uma entrevista com o criador do projeto.

Por que o prefeito não respondeu ao projeto de lei?

Ele nem deu importância e não sei o motivo. O projeto é tão legal, que foi aprovado por unanimidade, inclusive pela oposição.

O que é plantado nessa horta?

Alface, temperos verde, beterraba, cenoura, couve. As mudas eu compro na agropecuária ou ganho doação dos pais ou comércio.

Recentemente foi a época da colheita da cenoura no Isdra – fotos: Andreo Fischer

Quem consome os produtos?

As crianças, os professores e funcionários das creches. Algumas vezes as crianças até levam para casa.

O prefeito chegou a se manifestar sobre seu projeto depois de implantado nas creches?

O prefeito não falou nada. Lamento ter pouco apoio, mas os professores se animam com a ideia.

Você toca sozinho a horta?

Não. Tem um funcionário terceirizado da prefeitura muito competente que quando pode, ajuda. Ele faz a manutenção dos canteiros e as crianças também.

Quantas escolas contam com o projeto?

Além das duas creches, mais uma escola municipal. Eu gostaria de levar o projeto para a maior escola do município, a Ary Soares.

O que te motiva a fazer a horta?

Vejo a alegria das crianças. Fizemos a colheita da cenoura estes dias e isso traz saúde para elas, que vão saber o que comem. O produto é quase orgânico, se não fosse pelo esterco utilizado nos canteiros que não é orgânico. Não há nenhum agrotóxico nas hortaliças.

Você quer deixar um recado?

O projeto é importante para o município porque incentiva as crianças a plantar, mexer na terra e comer produtos que elas mesmas cultivam. Pena o prefeito não ter sancionado nosso projeto, mas já temos algo nessas creches.

Comentários