Cachoeirinha | Saiba quando e onde procurar atendimento em caso de suspeita de coronavírus

0

Com a pandemia do coronavírus, torna-se fundamental saber quando é necessário procurar atendimento. Havia seis casos suspeitos no município, todos já descartados, conforme dados do controle epidemiológico de Cachoeirinha desta quinta-feira, 19 de março. No Estado já são 28 casos registrados, 428 no Brasil e quatro óbitos, segundo o Ministério da Saúde.


O secretário de Saúde, Dyego Matielo, lembra que os sintomas da Covid-19 são os mesmos de um resfriado ou gripe comum, como tosse, febre, dor no corpo. “Se os sintomas são leves, a orientação é ficar em casa, mantendo boa hidratação e alimentação, fazendo repouso e uso de analgésicos e antitérmicos do tipo paracetamol”, esclarece o titular da pasta.


No entanto, é preciso ficar atento ao agravamento desses sintomas. “Se em dois ou três dias não houver melhora, o primeiro passo é procurar uma UBS. É preciso procurar a UPA 24h se houver comprometimento do sistema respiratório e piora dos demais sintomas”, explica Matielo. Os pacientes com suspeita de coronavírus serão isolados e terão prioridade no atendimento, para que seja feita a coleta para o diagnóstico ou não de Covid-19. A UPA 24h implantou inclusive o sistema do Ministério da Saúde chamado Fast-Track, ferramenta de fluxo rápido de triagem e atendimento de casos de Covid-19.


As consultas de rotina agendadas nas unidades de saúde serão remarcadas e o atendimento será por demanda, conforme a ordem de chegada. Haverá reforço no efetivo de médicos para o atendimento e a partir de segunda-feira, a unidade Odil Silva de Oliveira terá o horário estendido até as 22h. O atendimento pré-natal será remarcado em dias fixos, para que só tenha gestantes na unidade naquele dia e, desta forma, evitar aglomerações e o contato delas com grupos de risco.


O prefeito Miki Breier reiterou a importância de evitar aglomerações neste momento de rápida transmissão do vírus. “Porto Alegre já registrou o primeiro caso de transmissão local, quando alguém contaminado no exterior passa o vírus adiante. Não queremos que o coronavírus chegue a Cachoeirinha, portanto, quem puder, trabalhe de casa e evite qualquer saída que não seja realmente necessária”, enfatizou o titular do Executivo Municipal.

Comentários