Cachoeirinha promove dia D para vacinação contra a gripe em grupos prioritários

0
PMC

 A Prefeitura de Cachoeirinha, através da Secretaria Municipal de Saúde, promove neste sábado, dia 25 de maio, o Dia D contra a Influenza. A vacinação será das 8h30min às 17h, no Centro de Saúde do Idoso, ao lado da Prefeitura; na Secretaria Municipal de Saúde, no subsolo; e nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs) Jardim Betânia e Carlos Wilkens.
    Poderão se vacinar no sábado os mesmos grupos para os quais a vacina vem sendo destinada ao longo de toda a campanha. Os públicos-alvo compreendem idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e mulher com até 45 dias de pós-parto, professores/atendentes de educação infantil, trabalhadores de saúde, indígenas, funcionários do sistema prisional, bombeiros, militares das forças armadas e pessoas com doenças crônicas. 
    O secretário de Saúde, Paulo Abrão, informa que a meta de vacinação de 90% em cada grupo prioritário ainda está com o índice baixo, sendo que a média geral de imunização no município está em 58%. “Os grupos com os priores índices são gestantes, crianças e trabalhadores de saúde, com uma média de imunização em torno de 50%, portanto, estes públicos devem se mobilizar para tomar a vacina”, declara o titular da pasta. 
    A coordenadora do Setor de Imunizações, Michele Rocha Fortes, alerta para a situação peculiar do grupo dos doentes crônicos que, mesmo integrando o público-alvo, só entrou na meta de 90% de imunização depois que a campanha já tinha começado. “Por este atraso, o índice de imunização dos doentes crônicos está em 30% no município, bem abaixo dos outros grupos. Para facilitar a vacinação, o paciente pode trazer a receita do remédio de doença crônica, com data de 2019 ou 2018, que será avaliada caso a caso”, explica Michele. São exemplos de doenças crônicas cabíveis para a vacinação as cardiopatias, doenças renais, doenças graves do sistema respiratório, câncer, entre outras.
    Até o momento, o Rio Grande do Sul registrou três óbitos por gripe em 2019, dois idosos e uma criança com menos de um ano, públicos-alvo da vacina. A campanha vai até o dia 31 de maio e é possível se vacinar nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs), nos horários de funcionamento das unidades. O paciente deve levar a carteirinha de vacinação, o documento de identidade e documento comprovando a necessidade da vacina, nos casos específicos. Após o término da campanha, as doses que sobrarem serão disponibilizadas para o restante da população.

Comentários