Ainda restam doses da Pentavalente nos Postos de Cachoeirinha

0
Divulgação

Nesta terça-feira, dia 14, as 400 doses da vacina Pentavalente foram distribuídas nas 12 salas de vacinação de Cachoeirinha. Porém, com a demanda represada, alguns postos já não dispõem de doses como CAIC Granja, Jardim do Bosque, Canarinho, Osvaldo Cruz e Parque da Matriz.

Conforme a chefe do setor de Imunizações, Michele Fortes, a cobertura vacinal está em torno de 80% e uma nova remessa da vacina está prevista para março. “Quando o estoque da penta terminar, os postos de saúde seguirão usando o esquema de substituição sugerido pelo Ministério da Saúde, que troca temporariamente a vacina Pentavalente pela vacina DTP (Tríplice Bacteriana) combinada com uma dose da vacina para Hepatite B em crianças menores de um ano de idade”, explica o secretário da Saúde Dyego Matielo.


A pentavalente protege as crianças contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e meningite. Ela é administrada três vezes: aos dois, aos quatro e aos seis meses de idade.

Os critérios para administração da imunização são:

– Crianças menores de um ano de idade com início de esquema (aos 2 meses): aplicar DTP + HB e complementar o esquema (segunda e terceira dose) com penta;
– Crianças que iniciaram o esquema com penta, fazer segunda dose com DTP + HB e complementar esquema (terceira dose) com penta;
– Crianças com duas doses de penta, complementar esquema (terceira dose) com uma dose de DTP + HB;
– Para todas as situações acima, o reforço com penta aos 15 meses é recomendado.

Comentários